Macaco e suas incríveis características. Veja!


Macaco e suas incríveis características, conheça mais sobre esse animal impressionante e muito inteligente.

A princípio, macaco é um termo de origem africana (provavelmente de Bantu makako) utilizado como nome comum para cada uma das espécies de macacos ou primatas antropoides. Bem assim, é aplicado restritivamente no Brasil aos cebídeos (ou macacos do Novo Mundo) em geral. Estritamente falando, refere-se às espécies de primatas pertencentes ao género Macaco.

Todavia, tais animais permanecem rodeados por uma série de ditos e tropas reconhecidas. Certamente já ouviu falar de vários deles:

 “Macaco velho não mete a mão em cumbuca”.

“Quem quebra-galho é macaco gordo”.

“Macacos me mordam!”.

“Vá pentear macaco!”.

“Pagando mico!”.

“Perguntar se macaco quer banana”

“Cada macaco no seu galho!”.

“…está com a macaca”

O termo mico tem a sua origem, de acordo com o Dicionário Aurélio, no Caraíba continental (karib). Logo assim, é amplamente utilizado no Brasil, onde é aplicado a espécies do género Cebus, na parte sul, e a espécies pequenas, ou saguis, no Norte.

Contudo, o conceito sagui tem a sua origem na antiga palavra tupi sagûi e também designa os minúsculos macacos calitrichídicos. Ou seja, termo símio, que também está relacionado com macacos (registado em português nos séculos XVI e XVII), vem do latim simius, de simus, “que tem um nariz plano”.

Leia mais dicasesolucoes.com

Nomenclatura do macaco

Sobretudo, na categorização bem sucedida da língua portuguesa, é costume usar os termos “macaco” (de acordo com o Dicionário Aurélio. Bem como, um antigo termo português para macacos africanos), seguido de um adjetivo que identifica o animal, como “mono-carvoeiro” e “macaco-aranha”, por exemplo.

Classificação cientifica

Além disso, a categorização científica também utiliza este esquema de adjetivação. Por exemplo, o género Cebus inclui espécies chamadas libidinosus, ruivos, robustos, etc. Ainda assim, após esta categorização, alguns deles estão associados a demónios como Belzebu e Satanás ou aludem a lendas como por exemplo a dos cércopes, gorilas de força incomum que roubavam e matavam viajantes na Grécia antiga.

Por fim, “No século passado, as pessoas riam-se da ideia de que somos descendentes de macacos. Atualmente, as pessoas mais ofendidas por essa concepção são os macacos”.

Gostou de saber e conhecer mais sobre o Macaco?

Então aproveite e compartilha com seus amigos e familiares. Não esqueça de curtir abaixo nas entrelinhas.

Veja também:

Chapada dos Veadeiros e sua Natureza Bela. Veja!

Lagoa de Araruama – RJ e sua beleza natural. Veja!

Ilha do Marajó – PA e suas belezas naturais. Veja!

Salvaterra – Marajó e suas curiosidades naturais. Veja!

Brotas – SP e sua natureza encantadora. Veja?

Monte Roraima e sua natureza exuberante. Veja aqui!

5/5 - (1 vote)